Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Livros para adiar o fim do mundo

Um cantinho para "falar" de livros, para trocar ideias, para descobrir o próximo livro a ler.

Um cantinho para "falar" de livros, para trocar ideias, para descobrir o próximo livro a ler.

Livros para adiar o fim do mundo

01
Jun20

5 por menos de 200 #

livrosparaadiarofimdomundo

No dia Mundial do livro, o sítio do Sapo (adoro escrever/dizer sítio, é tão em Português) publicou uma lista que eu adorei e de já falei aqui no blog. Tratava-se de uma listagem de 10 livros - grandes obras - para serem lidas de um fôlego. Gostei do conceito. Copiei a lista à mão - ainda gosto muito do exercício de escrever à mão, desenhar a letra, cuidar da apresentação - para o meu caderninho de "lembretes", que os arquivos mentais já não são o que eram e fiquei com a idei a de rever, aumentar e contribuir para a grandeza da lista.

Eu leio de tudo - ou melhor, de quase tudo, que há coisas com as quais não posso gastar tempo de vida - mas sempre gostei de um livro que se devora num hausto - aos anos que eu queria aplicar esta palavra em algum sítio! Essa ideia de "raspadinha" dos livros é muito vantajosa e há autores - que inveja me devora - que conseguem fazer  o duplo - escrever pouco e acertar muito.

Assim, deixo-vos a minha primeira lista - 5 por menos de 200 - que prometo aumentar, tornando-a em mais um dos meus desígnios de leitora.

Gosto também do diálogo. Se alguém puder contibuir com as suas leituras, breves, mas intensas, não se acanhem. Se há coisa que eu também aprecio é "trocar cromos", ler porque alguém leu e gostou.

Crónica do Rei Pasmado, Gonzalo Torrente Ballester, p. 168 - já li três vezes. O humor, a sátira, a caricatura. É incomparável!

Crónica de uma morte anunciada, Gabriel García Márquez, p. 136 - está na altura de reler... li quando tinha 18 anos.

Uma vida inteira, Robert Seethalerp. 120, já bloguei aqui.

Cossacos, Lev Tolstói, p. 176 - a última entrada do meu blog.

A morte de Ivan Ilitch, Lev Tolstói, p. 96 - dizem que é a obra que diz tudo o que há para dizer sobre a morte. 

Livros pequenos? Guardo-os todos, com eles construo uma biblioteca breve.

 

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D