Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Livros para adiar o fim do mundo

Um cantinho para "falar" de livros, para trocar ideias, para descobrir o próximo livro a ler.

Um cantinho para "falar" de livros, para trocar ideias, para descobrir o próximo livro a ler.

Livros para adiar o fim do mundo

24
Fev21

Eu também tenho um clube de leitura - nós também temos um clube de leitura

livrosparaadiarofimdomundo

Tenho, no meu trabalho, felizmente, várias pessoas que gostam de ler. Informalmente, vamos emprestando livros umas às outras (ainda somos só senhoras, mas havemos de arranjar sangue masculino, estou certa); outras emprestamos livros, outras reemprestamos (nem sei se esta palavra existe). É (mais ou menos) comum as pessoas trazerem-me livros para eu ler, mesmo sem eu pedir, com esta frase musical "Olha, trago-te este livro, acho que vais gostar" (às vezes também são filmes). E penso, como em muitos momentos da minha vida, que felizarda, sortuda, afortunada, bafejada pela sorte, venturosa, bem-aventurada, que eu sou, por ter estas pessoas na minha vida. Enfim, uma cultura de partilha desordenada - ainda bem - espontânea - ainda bem - ao sabor dos nossos sabores - ainda bem.

Tenho uma amiga muito proativa que me convenceu a inscrever-me no clube de leitura da LEYA, e eu deixei-me convencer, mas só fui a uma sessão... a ver se me lembro de ir este mês.

Então, os meus neurónios, ou as minhas pequenas células cinzentas, para parodiar a própria literatura, fizeram uma sinapse e tive esta ideia inédita - ler com muita ironia - porque não consituir um clube de leitura? Isso é que era! Desordenadamente, como acontece na vida real, enviei um mail a algumas destas pessoas - as que me lembrei na hora, que eu sou de impulsos - com alguns esquecimentos imperdoáveis, que eu vou corrigir... com a liberdade de as pessoas trazerem um amigo. Lancei o desafio, com muito otimismo anexei logo o link para o primeiro encontro - é a distância, porque este confinamentoainda trouxe uma ou outra coisa boa - e fiquei à espera...

Acontece que já fizemos dois encontros, o primeiro para decidirmos que livro ler, o segundo para o discutir. Está a ser maravilhoso! No primeiro encontro, além de falarmos de livros, experimentamos aplicações do zoom e muitas de nós acabamos com um bigode, ou como unicórnio - eu não, o meu sentido de ridículo não suporta mais nenhum acessório, para figuras tristes, basta-me aparecer. Desordenadamente, decidimos qual o livro que íamos ler - Manhã e Noite, de Jon Fosse (agora já posso escrever sobre ele aqui no blog, enquanto não o discutimos no clube de leitura, não me atrevi, sei lá, achei que não era correto, o que é que eu hei de fazer). Ontem fizemos a sessão de discussão do livro.

Confesso que ia com alguma apreensão, porque é tudo muito desorganizado - ainda bem. Foi uma sessão fantástica, que se prolongou por uma hora e meia. Senti que tínhamos relido o livro, que as nossas leituras se complementaram, voltei a comover-me com o livro à medida que as intervenções me comoviam pela forma como eram certeiras, pertinentes, acertadas, inesperadas, surpreendentes. Mas, não nos limitamos a falar só desse livro, falamos de muitos outros, numa conversa vadia, ou se quiserem qualquer coisa mais erudito, eclética. Foi o momento mais alto da minha semana, para já. Sabe Deus o que o destino me pode ter reservado... ainda sou chamada para uma residência literária. 

Entretanto, já combinamos a próxima leitura e a data da próxima sessão que, infelizmente, será só no dia 16 de março, e sinto-me como quem espera o Natal...

Não resisti a escrever sobre esta experiência, restrita é certo, mas nem sempre mais é mais. Escrevo este texto como forma de agradecer às minhas companheiras de viagem, também como homenagem, por terem lá estado, sublinhe-se que a segunda sessão contou logo com mais três elementos. Isto promete.

4 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub